Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Mato Grosso
Cuiabá
Goiás
GoiâniaAnápolis
Nordeste
Sergipe
Aracajú
Ceará
Fortaleza
João Pessoa
João Pessoa
Alagoas
Maceió
Rio Grande do Norte
Natal
Pernambuco
RecifeGaranhuns
Bahia
SalvadorFeira de SantanaIlhéusItabuna
Maranhão
São Luiz
Piauí
Teresina
Norte
Pará
Belém
Roraima
Boa Vista
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Tocantins
Palmas
Rondônia
Porto Velho
Acre
Rio Branco
Sudeste
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Rio de JaneiroAngra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéVolta Redonda
São Paulo
São PauloAraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaiLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposTaubatéSorocabaVotuporanga
Espírito Santo
Vitória
Sul
Paraná
CuritibaPonta GrossaFoz do IguaçuCascavelLondrinaMaringá
Santa Catarina
FlorianópolisBlumenauCriciúma
Rio Grande do Sul
Porto AlegrePelotasRio GrandeSanta Maria

A diferença em quem tem os pensamentos de Deus

“Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.” (Filipenses 4.8). Todos devem andar no espírito e pensar nas coisas de Deus, como o apóstolo Paulo ensina nessa passagem.

O Espírito Santo é o Espírito da verdade. Então, como uma pessoa pode dizer que O tem, se ela vive na impureza, na mentira, no engano e na traição? Embora muitas pessoas conheçam a Bíblia, elas vivem no pecado e seus pensamentos não são puros.

É preciso entender que existe uma diferença enorme entre os que mantêm os pensamentos nas coisas divinas dos que mantêm os pensamentos nas coisas terrenas. Quando uma pessoa vive conforme os pensamentos de Deus, até o fato dela limpar o nariz com um lenço e jogá-lo fora da lata do lixo é pecado para ela. Então, ela não cometerá transgressões, como mentiras, enganos, invejas, cobiças e malícias, por exemplo.

É uma guerra manter os pensamentos conforme os pensamentos de Deus, porque a pessoa tem que travar uma batalha entre o que a sua cabeça pensa e o que seu coração deseja. Mas quem vive no pecado não passa por essa guerra, porque já sabe que gosta de satisfazer o coração. Já quem vive na verdade, busca agradar ao Senhor e viver uma vida de paz e justa. A pessoa que tem o Espírito Santo tem tranquilidade e não se entrega às dúvidas. Ela vive lutas, mas sua consciência está em paz com Deus.

fonte: Universal.org

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

5 + 18 =