Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Mato Grosso
Cuiabá
Goiás
GoiâniaAnápolis
Nordeste
Sergipe
Aracajú
Ceará
Fortaleza
João Pessoa
João Pessoa
Alagoas
Maceió
Rio Grande do Norte
Natal
Pernambuco
RecifeGaranhuns
Bahia
SalvadorFeira de SantanaIlhéusItabuna
Maranhão
São Luiz
Piauí
Teresina
Norte
Pará
Belém
Roraima
Boa Vista
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Tocantins
Palmas
Rondônia
Porto Velho
Acre
Rio Branco
Sudeste
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Rio de JaneiroAngra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéVolta Redonda
São Paulo
São PauloAraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaiLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposTaubatéSorocabaVotuporanga
Espírito Santo
Vitória
Sul
Paraná
CuritibaFoz do IguaçuCascavelLondrinaMaringá
Santa Catarina
FlorianópolisBlumenauCriciúma
Rio Grande do Sul
Porto AlegrePelotasRio GrandeSanta Maria

Acerca de provas e tentações

Veja o que a Bíblia tem a nos dizer sobre as tentações que sobrevém no dia a dia.

Veja o que Tiago diz a igreja em sua carta sobre as provas :

Meus irmãos, tende grande alegria quando enfrentardes várias tentações;

Sabendo que a prova da vossa fé opera a paciência.

Tiago 1:2-3

A prova da fé. Primeiramente, devemos identificar o que são provações, pois, quando sofremos as consequências de nossas más ações, não estamos sendo provados, e sim colhendo o resultado das nossas escolhas. As provações são permitidas por Deus para um determinado propósito, que não é castigar, mas sim nos beneficiar por meio do desenvolvimento da nossa fé. Elas se caracterizam, principalmente nas perseguições que sofremos por causa da fé u por qualquer outra situação injusta que possamos enfrentar (1Pedro 1.7).

Paciência: a prova da nossa fé produz paciência. Isso não significa uma aceitação passiva das circunstâncias, e sim a capacidade de perseverar e de manter uma fé constante. O método que Deus usa para desenvolvermos a paciência são as tribulações, pois, seguramente, não vamos manifestar esse fruto com ensinamentos teóricos, e sim vivenciando situações adversas. No momento em que a nossa fé é testada, precisamos resistir sem nos desviar dos princípios espirituais, pois, nessas situações, muitos desanimam e são reprovados. A paciência em meio às lutas demonstra a nossa confiança na Palavra de Deus (Romanos 5.3)

Acompanhe a programação da Rede Aleluia sintonizando na rádio ou acessando através do site. Siga as nossas redes sociais para permanecer atualizado sobre todas as novidades da rádio.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

4 × 5 =