Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Mato Grosso
Cuiabá
Goiás
GoiâniaAnápolis
Nordeste
Sergipe
Aracajú
Ceará
Fortaleza
João Pessoa
João Pessoa
Alagoas
Maceió
Rio Grande do Norte
Natal
Pernambuco
RecifeGaranhuns
Bahia
SalvadorFeira de SantanaIlhéusItabuna
Maranhão
São Luiz
Piauí
Teresina
Norte
Pará
Belém
Roraima
Boa Vista
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Tocantins
Palmas
Rondônia
Porto Velho
Acre
Rio Branco
Sudeste
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Rio de JaneiroAngra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéVolta Redonda
São Paulo
São PauloAraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaiLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSorocabaVotuporanga
Espírito Santo
Vitória
Sul
Paraná
CuritibaFoz do IguaçuCascavelLondrinaMaringá
Santa Catarina
FlorianópolisBlumenauCriciúma
Rio Grande do Sul
Porto AlegrePelotasRio GrandeSanta Maria

Como superar a crise e nunca faltar trabalho?

Bispo Renato Cardoso explica quem são as pessoas que nunca ficarão sem oportunidades no mercado

Durante o mês de maio, os pedidos de falência subiram 30% no País, se comparado com o mês de abril, mês que engloba o período de isolamento social, em decorrência da pandemia de COVID-19.

Em 12 meses, terminados em maio, os pedidos de recuperação judicial cresceram 3,7%. Já as recuperações judiciais aceitas tiveram alta de 2,4%. Os dados foram divulgados pelo Boa Vista.

Diante do cenário econômico do País, o novo coronavírus também tem atingido os funcionários de empresas. De acordo com dados divulgados pelo Ministério da Economia, em maio, os pedidos de seguro-desemprego aumentaram 43,89%. O número é 6% mais alto que o mesmo mês do ano passado.

Isso aconteceu em decorrência das limitações impostas às empresas, durante o período de isolamento social, o que levou a demissões e suspensões de contratos de trabalho.

Superar a crise

Em meio a essa situação, a pergunta que fica é: como superar a crise e prosperar?

Recentemente, em uma reunião no Templo de Salomão, o Bispo Renato Cardoso pontuou que toda crise esconde uma oportunidade. Segundo o Bispo, o rico aproveita as oportunidades para oferecer soluções a quem necessita.

Para ele, todos deveriam ter essa mentalidade. “Antes de ser rico no bolso, você tem que ser rico na cabeça. E o rico, durante a crise, fica antenado nas oportunidades”, destacou o Bispo.

Ele ainda esclareceu que há um tipo de pessoa que nunca entra em crise. Ele baseou seu ensinamento no livro de Provérbios, no capítulo 22 e versículo 29. Veja a seguir:

“Viste o homem perito na sua obra? Perante reis será posto; não permanecerá entre os de posição inferior.” Provérbios 22:29

“O perito é aquela pessoa que sabe que, para se tornar perito não, pode ter medo de errar e tentar, porque é assim que ela vai adquirir experiência. Por isso, a definição de Perito é o que tem experiência, o que sabe fazer determinada coisa’”, destacou o Bispo Renato.

Ele ainda afirmou que, esse tipo de profissional, nunca terá falta de trabalho. “Nunca vai faltar o emprego, alguém que precise do trabalho dela, porque ela se tornou referência naquilo que faz”, completou.

Confira a mensagem completa no vídeo abaixo:

Fonte: Universal.org

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

4 × 2 =